segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Laços de amor eterno




James Van Praagh

Clique aqui para ler um trecho do livro em PDF.
Perder um filho é a experiência mais devastadora pela qual um ser humano pode passar. A dor parece interminável e muitas vezes a vida perde o sentido. Desesperados, perguntamos a Deus por que Ele foi capaz de tirar a vida de uma criança inocente.
Em seu livro mais comovente, o renomado médium James Van Praagh lança uma luz transformadora sobre os planos que estão por trás da morte de um ente querido e revela a trajetória das almas na volta para seu lar no céu.
Laços de amor eterno nos ajuda a transpor o vão que separa o mundo material do espiritual e apresenta histórias inspiradoras de pessoas que conseguiram transformar a dor da perda em crescimento pessoal e espiritual ao se livrarem da culpa e praticarem o perdão.
Tendo se dedicado nos últimos 30 anos a ajudar as pessoas a entrar em contato com entes queridos que já se foram, Van Praagh busca agora minimizar a dor de quem enfrenta a tragédia da morte de um filho, tenha ela sido causada por doença, acidente, assassinato, desastres naturais ou suicídio.
Este livro vai responder a seus questionamentos mais profundos sobre o porquê de vidas tão promissoras serem precocemente interrompidas. Mais do que isso, ele revela que os laços de amor que unem pais e filhos são criados na eternidade e nem mesmo a morte é capaz de destruí-los.
****
“Tendo como base minha experiência, eu diria que nenhuma criança morre antes da hora. Quando uma alma cumpre seu papel na vida, seu corpo físico morre. Do ponto de vista espiritual, não existem acidentes.” - James Van Praagh
O sentimento de luto por um filho é uma dor inimaginável. É algo para o qual ninguém está preparado. Porém, por mais que o sofrimento seja desesperador e paralisante, é preciso seguir em frente e continuar vivendo. Mas como fazer isso? Como lidar com a sensação de impotência e a saudade? Como não culpar o cônjuge, Deus ou a nós mesmos? Como acreditar que a perda não é uma punição por termos sido pais negligentes?
Neste livro, você vai se deparar com as mais diversas situações vividas por pais que perderam seus filhos. Muitos pensaram em se matar, se entregaram às drogas ou ao álcool, perderam a alegria de viver. Mas há também aqueles que conseguiram dar a volta por cima e transformar a tragédia em algo positivo para si mesmo ou para a sociedade.
Ao perder um filho, raramente alguém consegue entender por que isso aconteceu. No entanto, as mortes abruptas ou chocantes nada mais são do que um pacto entre almas que precisam se ajudar mutuamente. Talvez o objetivo da morte trágica de uma criança seja ensinar à alma dos pais lições sobre o perdão.
Em Laços de amor eterno, James Van Praagh mostra que, para evoluirmos no plano espiritual, precisamos vivenciar experiências difíceis. Cada desafio que enfrentamos é planejado para que nossa alma se desenvolva e seja capaz de superar as barreiras que nós mesmos nos impusemos antes de encarnar.
Por meio de relatos reais, o autor mostra que os laços entre pais e filhos não são rompidos no momento da morte. Aqueles que se foram continuam ao nosso lado, muitas vezes até nos ajudando a superar a dor.
O objetivo deste livro é trazer conforto e alento para os pais que não sabem como seguir em frente. Com as sábias palavras de Van Praagh e suas comoventes histórias de encontros com espíritos, você vai passar a entender o complexo plano por trás de nossas experiências de vida, tanto as boas quanto as mais dolorosas.